_Brainstorm

Diversidade: marcas e agências se posicionam para além do mês do orgulho LGBT 

Imagem: Divulgação

No próximo domingo (6), será dada a largada oficial do mês do orgulho LGBTQIA+, com a tradicional Parada de São Paulo, que chega à sua 25ª edição. Por conta da covid-19, pelo segundo ano seguido, a celebração será no digital. E deve repetir a fórmula que, no ano passado, fez o evento dominar as redes, criando um acontecimento conduzido por um time de influenciadores em múltiplas plataformas. Ao lado da comunidade, estarão marcas que são habituais parceiras, como Burger King, Amstel, Uber, Avon e Doritos.

A novidade de 2021 é que a temática LGBTQIA+ notadamente já vem se tornando pauta para ações de marcas e agências para além do mês de junho — uma necessidade há muito apontada–, que mostra a relevância cada vez maior da diversidade na comunicação.

Veja três momentos cruciais observados este ano pelo UOL para Marcas:

Março/21: Havaianas lança linha Pride para o ano todo

Em março deste ano, a Havaianas lançou novos produtos da sua linha Global Pride. Com isso, o portfólio criado no ano anterior especialmente para o mês do orgulho não apenas foi ampliado como se tornou permanente. Na campanha, a marca comunicou o propósito de se posicionar ao lado da comunidade LGBTQIA+ o ano todo, não só em junho. A Havaianas destina 7% do lucro líquido das vendas para a ONG All Out, entidade que apoia o grupo pelo mundo.

“Queremos reforçar cada vez mais que o nosso compromisso com a comunidade LGBTQIA+ não acontece em só um momento do ano, ele é contínuo. Temos que sentir orgulho de quem somos o ano todo”, disse Fernanda Romano, CMO da Alpargatas, em comunicado à imprensa na ocasião.

Abril/21: Mobilização do mercado contra o PL 504

O mercado publicitário e sociedade civil se uniram em abril deste ano contra o PL 504/20, da Assembleia Legislativa de São Paulo. O projeto de lei queria proibir a presença de pessoas LGBTQIA+ ou famílias homoafetivas na publicidade, sob o pretexto de evitar “desconforto emocional a inúmeras famílias.”

Uma mobilização iniciada em comitês de diversidade de agências, liderada pela a Mutato, contribuiu para a derrubada da votação do projeto e o seu retorno às comissões, o que obrigou os deputados à rediscussão da pauta em outros termos. O ato trouxe à tona o posicionamento de mais de 100 marcas e agências signatárias do movimento.

Maio/21: Agências na luta contra a homofobia

Outra data importante para a comunidade que entrou para o calendário de marcas e agências é o Dia da Luta contra a Homofobia, no dia 17 de março. Foi nesta data que a AlmapBBDO lançou o Instituto +Diversidade (I+D), entidade sem fins lucrativos, que busca promover profissionalmente a população LGBTQIAP+ do país. A ação foi impulsionada com uma ação que iluminou prédios no centro de São Paulo, em parceria com o coletivo Projetemos.

A diversidade está no topo, e assim deve permanecer: no topo das discussões, no topo das prioridades, no topo das empresas e no topo do que é relevante e urgente”, disse Ricardo Sales, presidente do conselho executivo do Instituto +Diversidade, na ocasião.


Quem faz os conteúdos UOL para Marcas:

Apuração e redação: Renata Gama / Edição e redes sociais: Raphaella Francisco / Arte: Pedro Crastechini
Gerente responsável: Marina Assis/ Gerente Geral: Karen Cunsolo