5 tendências para o mercado de mídia e marketing que vão movimentar 2020

5 tendências para o mercado de mídia e marketing que vão movimentar 2020

Movimentos do mercado de mídia e marketing que surgiram nos radares ao longo de 2019 devem tomar força e se consolidar em 2020. A pedido do UOL AD_LAB, a curadoria da GoAd Media — que esteve em sete grandes festivais internacionais do segmento no ano passado e entrevistou 50 líderes de agências, marcas, institutos de pesquisa e centros de educação — aponta os temas que devem pautar as decisões de marketing no ano.

A análise completa pode ser conhecida por marcas e agências, por meio de visitas in company, realizadas pela equipe do UOL AD_LAB. Veja 5 principais tendências para 2020:

1. Marketing orientado ao negócio

O foco no crescimento do negócio avança cada vez mais sobre as áreas de marketing. Em 2019, companhias como Jonhson & Jonhson, Hyatt e Uber extinguiram a posição de Chief Marketing Officer (CMO), distribuindo suas funções para outros cargos. No lugar, surgem os Chief Growth Officers (CGOs). Nesse novo contexto, o desafio para os profissionais do setor será retomar sua relevância dentro das empresas. Para isso, a tendência é que as áreas de marketing direcionem suas estratégias para a geração de receitas, liderando processos de integração e abraçando áreas como tecnologia e vendas.

2. Multiplicação das in-houses

Para dar mais velocidade à gestão de mídia e à distribuição de conteúdo nos inúmeros pontos de contato com os consumidores, marcas têm criado hubs internos de mídia e conteúdo. Coca-Cola, GM, Hypera, Itaú, Mondelez, Nestlé, Nubank, Procter&Gamble, Unilever e Youse são exemplos. São núcleos in-house, como hubs e squads, que reúnem profissionais de diversos perfis e disciplinas, e integram pessoas das companhias e das agências. Esse modelo de trabalho, que busca tornar os processos mais fluidos, tende a se proliferar em 2020, por ocupar um lugar ainda pouco explorado pelas agências.

3. Personalização em escala

Com os mapas das jornadas de consumo cada vez mais precisos, a ideia de “foco no cliente” chega ao nível da customização em escala. Marcas buscam oferecer experiências mais completas, relevantes, eficientes e específicas, em massa. Isso é possível com a automatização e o uso de inteligência artificial. É aí que mora o desafio para 2020, já que para oferecer experiências hiperpersonalizadas é necessário que companhias invistam pesado nessas tecnologias e que os profissionais se atualizem para operá-las.

4. Inovação que vem de fora

Grandes companhias têm apostado na inovação que vem de fora para dar mais agilidade à transformação digital de suas estruturas. Com isso, o investimento em startups e incubadoras tem sido uma prática crescente. Ambev, Bradesco, Coca-Cola, Itaú, Procter & Gamble, Santander, Visa e Unilever adotam o modelo. Para 2020, as agências de publicidade devem buscar cada vez mais ocupar esse papel. A tendência é que elas ampliem seus programas de aceleração e inovação no portfólio de soluções para seus clientes.

5. Transparência no uso de dados

Em agosto deste ano, entra em vigor a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) no Brasil. E isso deve intensificar nas pautas de discussões os temas de privacidade e transparência de dados, tanto para marcas como para consumidores. Além da corrida pela adequação de empresas que coletam e tratam dados — sejam marcas ou parceiros –, a tendência é que cada vez mais as pessoas exijam clareza sobre os usos de seus dados.

Para mais informações e agendamento da apresentação do report in company, entre em contato por meio do telefone (11) 3038-8200 ou envie um e-mail para publicidade@uol.com.br.

 

Peças de animação “ressurgem” em meio à limitação de produções pela covid-19
Black Friday: queda na intenção de compra desafia marcas a serem mais certeiras, diz pesquisa
Pós-pandemia: distanciamento deve permanecer como valor de consumo, diz Kantar 
Como a Amaro fez do Animal Crossing passarela para o público e suas criações
Cannes Lions Live celebra a década, dá recado antirracista e aponta tendências digitais
AdExchanger Awards: Premiação aponta tendências em mídia programática
×

Ei, psiu! Não vá embora ainda. Confira esta novidade do UOL AD_LAB:

E-book sobre como o uso de dados potencializa os resultados de campanhas publicitárias e ações de marketing

Faça download aqui