Universa Talks reúne mulheres poderosas para discutir o mundo em transformação

Mariana Pekin/UOL Universa Talks reúne mulheres poderosas para discutir o mundo em transformação Stephanie Ribeiro, Juliana Romano, Mafoane Odara, a editora-chefe de Universa Mariana Bessa e Brenda Fucuta

Mulheres poderosas e transformadoras comandaram as conversas no Universa Talks, a primeira edição do encontro promovido pelo UOL Universa para discutir um mundo em evolução na perspectiva feminina. O evento realizado na segunda-feira (27), no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo, comemora um ano da plataforma de conteúdo do UOL dedicada aos assuntos que interessam à mulher contemporânea.

Vozes do mundo do ativismo (Preta Rara, Stephanie Ribeiro), da moda plus size (Juliana Romano), da causa trans (Danielle Torres), da luta contra a violência de gênero (Elaine Caparroz), das marcas (Mafoane Odara, coordenadora do Instituto Avon) e dos negócios (Juliana Algañaraz, CEO da Endemol Shine Brasil, e Barbara Soalheiro, fundadora da Mesa Company) foram algumas das que estiveram juntas para movimentar o debate e compartilhar suas histórias.

Participaram ainda Cris Naumovs (designer e diretora de revista), Eliane Dias (empresária musical e ativista), Nina Silva (executiva de TI, sócia-fundadora do Movimento Black Money), Valéria Scarance (promotora de Justiça especializada em gênero e enfrentamento à violência contra a mulher). Também produziram trocas interessantes de ideias a jornalista Brenda Fucuta e blogueiros da Universa (Lia Bock, Paulo Sampaio, Sah Oliveira e Matheus Pichonelli). O encontro fechou com a apresentação da cantora Karina Buhr.

Os assuntos discutidos passaram por transformação do mercado de trabalho, autoestima, racismo, combate ao feminicídio, diversidade sexual e identidade de gênero, moda, beleza, negócios, entre muitos outros temas. Todo o conteúdo foi transmitido ao vivo pela plataforma Universa e está disponível online.

Aprendizado para marcas

A rapper Preta Rara deu um recado direcionado às marcas. “A palavra da moda é diversidade, mas não inclui as pessoas como deveria incluir. Fui chamada por uma marca, havia muitas pessoas pretas sendo fotografadas. Mas pessoas pretas são chamadas para falar sempre do seu lugar de dor. Isso incomoda porque a minha vivência não é só de dores. Eu tenho muitas outras coisas para falar.”

Mafoane Odara, coordenadora do Instituto Avon, falou do papel das marcas na criação dos padrões de beleza que afetam diretamente a autoestima das mulheres. “Qual é o papel das marcas de construir referências que sejam para todas as mulheres? Isso não tem a ver só com ajudar as pessoas a se reconhecerem bonitas, mas como a gente constrói o mundo da beleza. Não dá para construir qualquer coisa e achar que o mundo é só para alguns.”

Com ações das marcas Coristina D, que patrocinou um painel com lambes e graffiti ao vivo, sampling da Avon e test drive da Caoa Chery, o Universa Talks foi um ponto de contato importante para marcas se aproximarem dos assuntos da mulher contemporânea, com muita geração de conteúdo em 360º.

“Faz todo sentido para uma marca estar junto com a gente nessa discussão que é levantada no site, vai para as redes sociais e chega ao mundo físico. Faz sentido para a marca estar em todos esses pontos de contato com as pessoas. E este é só o começo. Cada vez mais a gente vai criar experiências como esta”, afirma Murilo Garavello, diretor de conteúdo do UOL.

TikTok é máquina de viralização que marcas buscam entender como funciona
UOL Start estreia conteúdo 360º na BGS, com gameplays e estúdio ao vivo
ECOA: nova rede do UOL amplifica ações de quem transforma o mundo
Por que internalizar o marketing digital contribui no objetivo de negócio das marcas
Influenciadora Caju mostra que conteúdo sobre games vai além das transmissões 
Novo vertical do UOL, Tilt trata de tecnologia como parte da vida 
×

Ei, psiu! Não vá embora ainda. Confira esta novidade do UOL AD_LAB:

E-book sobre como o uso de dados potencializa os resultados de campanhas publicitárias e ações de marketing

Faça download aqui